Telefone: (62) 3233-0010 Email: stiueg@uol.com.br Contato Hino STIUEG

Leia..

Propostas priorizam setor, com foco em estradas, energia e saneamento

Salve e compartilhe
25/05/2010

Carlos Eduardo Reche

A pouco mais de 40 dias do início da campanha eleitoral, os três principais pré-candidatos ao governo estadual já definiram o tema prioritário de seu conjunto de propostas: a infraestrutura. O senador Marconi Perillo (PSDB) e os ex-prefeitos Iris Rezende (PMDB) e Vanderlan Cardoso (PR) levarão aos palanques e aos programas de rádio e televisão metas para o setor voltadas principalmente para a pavimentação de rodovias, distribuição de energia e saneamento básico urbano.

Para viabilizar os recursos, os pré-candidatos apostam em diversas fontes de financiamento. A prioridade são os convênios com o governo federal, que financia boa parte das obras em curso, mas há propostas de captação de empréstimos internos e externos e celebração de parcerias com a iniciativa privada.

Por ora, os candidatos dizem não saber mensurar o tamanho dos recursos que serão necessários para viabilizar as obras. Mas, conforme apontou a série Dossiê Infraestrutura, publicada no POPULAR ao longo das últimas semanas, o Estado precisará de uma política agressiva, considerado fundamental pela indústria e pelo setor agropecuário para a manutenção e ampliação do desenvolvimento econômico de Goiás (leia quadro).

A face mais visível do problema de infraestrutura é também a que primeiro pauta a campanha eleitoral: as rodovias – ou a falta delas. A pavimentação, segundo preveem os planos de governo dos pré-candidatos, demandará boa parte dos esforços do próximo governo por recursos.

Segundo o governo estadual, 8.563 quilômetros de estradas goianas não têm pavimentação. Dos cerca de 12 mil quilômetros asfaltados– 10 mil estaduais e 2 mil federais –, 72% estão em condições regulares, ruins ou péssimas de circulação, segundo aponta estudo feito pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

A discussão sobre as condições das rodovias se aprofundou após o presidente da Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop), José Américo, afirmar, em entrevista ao Face a Face, que seriam necessários 20 anos e R$ 10 bilhões para pavimentar todas as rodovias do Estado inda sem asfalto.

O assunto repercutiu de imediato entre os pré-candidatos: Iris disse que, caso eleito, fará em um ano toda a manutenção necessária nas rodovias. Em visita a Goiás, no início do mês, o pré-candidato do PSDB à Presidência, Jose Serra, disse que a infraestrutura é o maior dos problemas do Estado atualmente.
Fonte: O Popular

Destaques

Newsletter

Stiueg

O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Urbanas no Estado de Goiás (STIUEG) teve seu início no ano de 1949, com a criação da Associação dos Funcionários da CELG. O segundo passo importante dessa história foi dado com a extensão de base para a Associação dos Trabalhadores nas Indústrias Urbanas no Estado de Goiás...

Onde estamos

® STIUEG.ORG.BR
Rua R-2 nº 210 Setor Oeste
Goiânia - Goiás CEP: 74125-030
Telefone: (62) 3233-0010
Email: stiueg@uol.com.br

Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Supera Web X